Cadastre-se
vida completa é
amar sem fronteiras

o que é

Doenças cardiovasculares são mais comuns em pessoas com pré-disposição genética, sedentárias e com sobrepeso. O acúmulo de gordura no sangue pode acarretar problemas como infarto do miocárdio e AVC.

Como são doenças silenciosas e frequentemente súbitas, o check-up anual é fundamental para a prevenção.  

No caso de hipertensos, o coração pode exercer uma força maior para bombear o sangue por todo o corpo por conta do estreitamento nos vasos sanguíneos e artérias, fazendo com que toda a sua função de levar nutrientes e oxigênio aos órgãos e tecidos fique comprometida.

Quando essas artérias ligadas ao coração entopem ou se rompem, o coração pode parar de receber oxigênio e os nutrientes necessários, causando um ataque cardíaco, conhecido como infarto do miocárdio.

Uma outra doença decorrente pela má circulação sanguínea é o AVC, também conhecido como derrame cerebral.  Caso a irrigação de sangue no cérebro seja interrompida, seja por entupimento – AVC isquêmico – ou no caso de se romper– AVC Hemorrágico, pode ocorrer a paralisação do funcionamento deste órgão.

O acompanhamento periódico da pressão arterial pode ser feito em casa, juntamente com o acompanhamento por médicos como cardiologistas, angiologistas, neurologistas, clínicos gerais, ginecologistas e geriatras.

sintomas

Na grande maioria dos casos, a hipertensão não causa nenhum sintoma. Porém se a hipertensão é assintomática durante o desenvolvimento, o risco é iminente quando o paciente começa a perceber algumas indisposições e sinais comuns durante o seu dia a dia.

Manter a calma, aliviar a pressão de roupas e sapatos são algumas dicas que podem ajudar caso alguém esteja apresentando sintomas das doenças.

Hipertensão
- Dores no peito
- Dor de cabeça
- Tonturas
- Zumbido no ouvido
- Vista embaçada
- Pressão acima de 14/9 constantemente

Infarto do miocárdio
- Aperto no meio do peito
- Dor sem causa aparente e com duração acima de 20 minutos em alguma parte do corpo entre o queixo e umbigo
- Fraqueza
- Palpitações
- Desmaio ou forte tontura

AVC
- Formigamento no rosto, perna ou braço em um lado do corpo
- Dificuldade em se expressar ou compreender a linguagem
- Dor de cabeça intensa sem causa aparente
- Perda de força em um lado do corpo
- Vertigem e desequilíbrio

Grande parte dos casos de hipertensão, por exemplo, são de origem genética, mas fatores como idade, diabetes e tabagismo também podem influenciar no aparecimento desse tipo de doenças.

quem está sujeito

Na grande maioria dos casos, a hipertensão não causa nenhum sintoma. Porém se a hipertensão é assintomática durante o desenvolvimento, o risco é iminente quando o paciente começa a perceber algumas indisposições e sinais comuns durante o seu dia a dia.

Manter a calma, aliviar a pressão de roupas e sapatos são algumas dicas que podem ajudar caso alguém esteja apresentando sintomas das doenças.

Hipertensão
- Dores no peito
- Dor de cabeça
- Tonturas
- Zumbido no ouvido
- Vista embaçada
- Pressão acima de 14/9 constantemente

Infarto do miocárdio
- Aperto no meio do peito
- Dor sem causa aparente e com duração acima de 20 minutos em alguma parte do corpo entre o queixo e umbigo
- Fraqueza
- Palpitações
- Desmaio ou forte tontura

AVC
- Formigamento no rosto, perna ou braço em um lado do corpo
- Dificuldade em se expressar ou compreender a linguagem
- Dor de cabeça intensa sem causa aparente
- Perda de força em um lado do corpo
- Vertigem e desequilíbrio

Grande parte dos casos de hipertensão, por exemplo, são de origem genética, mas fatores como idade, diabetes e tabagismo também podem influenciar no aparecimento desse tipo de doenças.

prevenção

Alimentação equilibrada, controle do stress e saúde bucal são mudanças importantes para quem quer ter um coração saudável. Saiba como mudar o seu dia a dia:

Alimentação equilibrada
O colesterol controlado é uma preocupação constante na vida de pacientes com histórico familiar ou já diagnosticado com problemas cardíacos. Por isso, substituir os laticínios pela versão desnatada ou light pode ajudar a controlar a ingestão de gordura. O Fazbem disponibiliza receitas saborosas para quem deseja manter uma alimentação saudável.

Cuidados com a saúde bucal
Uma pesquisa realizada pelo Instituto do Coração de São Paulo (InCor) apontou que cerca de 45% dos problemas de coração tinham origem em problemas bucais, como cáries comprometidas, gengivas inflamadas e abscessos. O estudo detectou que a bactéria presente na boca pode chegar na corrente sanguínea e se instalar em uma válvula do coração.

Livre-se do stress

Os hormônios do stress estão relacionados ao funcionamento do coração e com os níveis de concentração do colesterol, o que pode induzir problemas cardíacos. Encontrar alguma atividade relaxante é importante para controlar o estresse.

tratamento

Como o infarto e o AVC geralmente ocorrem sem dar nenhum sinal, as visitas anuais ao médico são extremamente importantes para manter o check-up em dia e avaliar os riscos.

Já sabemos que a prevenção bem como hábitos saudáveis diminuem significativamente as chances de sofrer problemas cardíacos. O cardiologista pode recomendar também medicações com o intuito de baixar a pressão arterial, ou para aumentar a força do músculo cardíaco.

Minha pressão estabilizou, posso parar com o medicamento?
Não. Apenas o seu médico pode suspender a medicação e fazer isso sem orientação médica é um risco gravíssimo para a sua saúde.

Existem alguns procedimentos cirúrgicos que recuperam os danos causados pelo infarto de miocárdio. A angioplastia é um procedimento pouco invasivo feito com a introdução de um tubo fino pela artéria e que leva uma espécie de balão até o lugar onde há obstrução para que ele seja inflado e libere o fluxo normal de sangue.
No caso da ponte de safena, a cirurgia é feita com a retirada de uma parte da veia safena, localizada na perna, e que é religada às artérias do coração obstruídas por gordura.

Vítimas de AVC
O cateterismo é um tubo fino inserido através da artéria para sugar o coágulo de dentro do vaso sanguíneo para desobstruir os vasos cerebrais. Além disso, essa desobstrução pode ser feita com um tipo de medicamento trombolítico para dissolver o coágulo e normalizar o fluxo sanguíneo no cérebro.


O que mais vai ajudar a manter uma boa qualidade de vida e conviver bem com as doenças cardíacas é dar continuidade ao tratamento indicado e consultar o médico com a frequência solicitada por ele.

continuidade & check-up

O Fazbem separou algumas dicas para ajudar no dia a dia de quem tem doenças cardíacas.

- Alguns exercícios físicos ajudam na prevenção do surgimento de doenças cardíacas, consulte sempre seu médico e um profissional para um treino adequado.

- Ansiedade também faz mal, por isso, não deixe para resolver as coisas depois.  Encontrar um tempo para cuidar de si e fazer algo que traga bem-estar são atitudes que ajudam a se livrar do stress e como isso influencia diretamente no surgimento de doenças cardíacas, achar uma forma de se libertar de momentos tensos é uma atitude saudável a se tomar.

- Para os pacientes que já sofreram AVC ou infarto, fazer um acompanhamento psicológico pode ser uma ótima forma de lidar com a nova rotina. A depressão é bastante comum entre os que já sofreram com alguma dessas duas doenças e não desanimar ajuda na manutenção e recuperação.

O acompanhamento médico é fundamental e toda dúvida  deve ser questionada para a equipe que está te tratando.

voltar

Suco rico de abacaxi

segunda-feira, 07 de agosto de 2017

Esta receita é desenvolvida para ajudar em uma alimentação saudável e equilibrada, mas não dispensa acompanhamento médico.


Ingredientes

  • 200 ml de água gelada
  • 2 fatias de abacaxi
  • 1 talo pequeno de salsão picado
  • 1 colher (sopa) de hortelã picada
  • 1 colher (sopa) de farinha de chia

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes no liquidificador e sirva em seguida.

Tempo de preparo

10 minutos

Rendimento

1 porção

Informação nutricional

 Quantidade por Porção%VD
Valor Energético173 kcal = 727 Kj9
Carboidratos28 g9
Proteínas3.2 g4
Gorduras Totais5.4 g10
Gorduras Trans0 g***
Gorduras Saturadas0.5 g2
Fibra Alimentar7.7 g31
Sódio14 mg1

Valores de referência

(*) % Valores Diários de Referência com base em uma dieta de 2000 Kcal ou 8400 Kj. Seus valores diários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas.

Dados da nutricionista

Nome: Dra. Franciele Lobo
CRN: 23531

você poderá gostar